Segurana e Justia

RECURSOLNDIA

Menino o 2 a morrer em casos envolvendo veculos da prefeitura

13/10/2015 11h12 - Atualizado em 13/10/2015 14h32
Menino  o 2 a morrer em casos envolvendo veculos da prefeitura
Da Web

Fred Alves

No final da manhã do dia 11 de setembro, Kaio da Silva Sousa, que completou 2 anos de idade no mês passado, morreu depois de ser atropelado por um ônibus da Prefeitura de Recursolândia que fazia o transporte escolar. O veículo era conduzido por José Carneiro Filho.

A ocorrência foi registrada pelo 3º Batalhão da Polícia Militar em uma estrada vicinal da Fazenda Campo Grande.

Uma testemunha ouvida pela PM, informou que falava ao celular quando o ônibus chegou para buscar estudantes. Neste momento, o condutor e a testemunha não teriam visto o menino em frente ao ônibus, que veio a atropelá-lo.

Conforme o boletim de ocorrência, o próprio condutor socorreu Kaio da Silva Sousa e o levou ao posto de saúde do município, onde o médico constatou que o garoto já estava morto.

O Instituto Médico Legal (IML) foi acionado e levou o corpo para exames em Araguaína. Conforme a PM, o local não foi periciado já que estava descaracterizado. 

O condutor José Carneiro Filho foi multado por possuir carteira nacional de habilitação diferente da exigida para conduzir ônibus. Ainda segundo a PM, o motorista foi liberado por autorização do delegado da Polícia Civil Wlademir Costa, mas responderá processo na justiça. O prazo para conclusão do inquérito é de 30 dias.

Primeira morte
Esse foi o segundo caso de morte no trânsito envolvendo veículos pertencentes à Prefeitura de Recursolândia em menos de duas semanas. No último dia 31 de agosto, Taynara Francisca Nunes morreu após cair de um caminhão que prestava serviços ao governo municipal. O caso ocorreu no povoado de Riachinho, localizado a cerca de 50km da zona urbana de Recursolândia.

De acordo informações do 3º BPM, o motorista Artur de Sousa Patrício fazia o transporte de blocos de adobe para Taynara Francisca Nunes, que viajava na carroceria do caminhão. Durante o percurso, Taynara foi atingida pelo galho de uma árvore, caiu do veículo e morreu no local.

O veículo, um caminhão Volkwagen 13150, modelo 2002, foi conduzido ao pátio do Destacamento da Polícia Militar local, pois se encontrava em desacordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB)
 

Leia por Assunto: 3 BPM RecursolndiaTupiratins