quarta, 07 de dezembro de 2016
21º Min 34º Max
Pedro Afonso - TO

Educação e Cultura

DESDE O INÍCIO DO ANO

Alunos da zona rural de Fortaleza do Tabocão estão sem transporte escolar

08/03/2016 15h47 - Atualizado em 09/03/2016 18h49
Alunos da zona rural de Fortaleza do Tabocão estão sem transporte escolar Ilustração

JD Matos

O Centro-Norte Notícias recebeu denúncia de que alunos que residem na zona rural de Fortaleza do Tabocão estão sem transporte escolar desde o início do ano letivo. Segundo Jonas Bringel, um funcionário da sua fazendo reclamou da falta do transporte para os filhos.

De acordo com Bringel, o seu funcionário relatou que o transporte não está funcionando nas fazendas que ficam localizadas na zona rural do município. “O funcionário da minha fazenda que tem filhos e que precisa do transporte diz que eles [prefeitura] não querem fazer isso”, declarou. “Que não querem buscar alunos na fazenda”, completou.

Ainda segundo Bringel, outras crianças estão na mesma situação, passando o número de oito alunos que estão sendo prejudicados, mas acredita que tenha mais estudantes nesta situação.

Secretário diz que serviço será normalizado na próxima semana
Procurado pelo CNN, o secretário municipal de Educação de Fortaleza do Tabocão, Helder Estevão da Silveira, informou que o problema do transporte escolar é sério, pois a frota é velha, tem um desgaste muito grande em relação a idade e também devido as estradas ruins. “São quatro municípios, além do nosso, que atendemos. Algumas rotas são mais longas e são mais críticas”, explicou.

Ainda segundo o secretário, o recurso para a manutenção dos veículos está sendo feito praticamente pelo repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FMP), pois o repasse do Governo Estadual especificamente para o transporte escolar ainda não foi feito até este momento. “O Governo do Estado anunciou que tinha pago o dinheiro do transporte escolar, mas até agora o nosso Município não recebeu”, informou o secretário.

Silveira disse ainda que dois ônibus estão em manutenção, mas que na tarde desta quinta-feira, 3, estava indo em Guaraí, para ver a liberação dos mesmos até a próxima segunda-feira, 7. “E estamos vendo mais duas Kombi para ajudar no transporte. E até terça-feira todas as rotas estarão buscando os alunos”, completou.

O secretário finalizou afirmando que 80% do transporte escolar está sendo feito, apenas as rotas mais extensas é que foram afetadas por causa desse problema.
 

Veja Também