segunda, 22 de abril de 2019
24º Min 32º Max
Pedro Afonso - TO

Política

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Evento marca lançamento da pré-candidatura do pedroafonsino Márlon Reis

02/04/2018 11h54 - Atualizado em 06/04/2018 10h30
Portal CNN Divulgação

Num Sábado de Aleluia, com o auditório da Associação Tocantinense de Municípios (ATM), em Palmas, completamente lotado, cidadãos e cidadãs de diversos regiões do Estado acompanharam e apoiaram o lançamento da pré-candidatura ao Governo pelo Rede Sustentabilidade à eleição suplementar de 3 de junho do ex-juiz Márlon Reis, “pai” da Lei da Ficha Limpa.

Tratado como “O homem da Lei”, Márlon fez um discurso duro no combate à corrupção. “O que estamos precisando no Tocantins é de termos o básico, o simples e o mais imediato. O que precisamos é que nosso estado se torne um lugar em que a Lei seja cumprida. Isso não é querer demais. E nós estamos testemunhando o descumprimento sistemático da Lei. A corrupção lamentavelmente colocou o Estado por diversas vezes no cenário nacional. Nós não queremos isso. Nós queremos o Tocantins ocupando o cenário nacional com recordes de produção, na geração de emprego, como líder da transparência nos gastos públicos. Quem não deve, não teme. As contas públicas têm que ser completamente abertas, para que não tenhamos mais a possibilidade de ter pessoas morrendo por falta de atendimento médico, porque o dinheiro foi desviado”, pontuou o pedroafonsino.


Tocantins do futuro

Para as mais de 700 pessoas presentes no auditório da ATM, Márlon falou sobre o modo inovador que pretende governar o Estado. “Praticamente dois homens se alternaram no poder do Tocantins, mas o modo de governar era exatamente o mesmo. A mesma cabeça, a mesma mentalidade, e o mesmo erro, que é ver o estado como provedor. Um estado que se planejou para ser o patrão de todo mundo. Esse estado provedor quebrou o Tocantins. A solução que propomos é substituir o estado provedor pelo o estado apoiador, articulador e, como eu digo, o estado Maestro, que ajuda a fazer, que convence as pessoas a fazer e que apoia quem quer fazer e está fazendo. Teremos uma empregabilidade plena no Tocantins, não feita pelo estado, mas pelos empreendedores”, apresentou Márlon.


Fazendo história

A pré-candidata à Presidência da República pelo Rede, Marina Silva, alertou que o estado pode entrar para a história, dando exemplo para o resto do Brasil no combate à corrupção. “O Tocantins tem a oportunidade de entrar para a história, elegendo Márlon Reis, o “pai” da Ficha Limpa, a mesma Lei que cassou o governador e provocou a eleição suplementar”, lembrou.

A presidenciável também disse que o Tocantins tem a oportunidade de mudar sua história, dando um fim à corrupção e colocando o estado na vanguarda no cenário nacional.


Apoios

Representantes de diversos setores da sociedade participaram do evento. Líderes empresariais, do agronegócio, dos servidores públicos, militares e policiais federais, representantes dos defensores públicos, de entidades educacionais, do setor hoteleiro, motoristas de Uber e membros da comunidade de várias regiões do Estado, que ouviram as propostas e  demonstraram seu apoio à pré-candidatura de Márlon Reis ao Governo do Estado.


Perfil

Márlon Reis - tocantinense de Pedro Afonso, é pré-candidato ao governo do Estado do Tocantins, é o porta voz estadual da Rede Sustentabilidade 18; foi juiz de direito no Maranhão por 20 anos e se destacou nacionalmente por sua luta pela transparência e combate a corrupção nas eleições, tendo sido um dos principais líderes da conquista da Ficha Limpa que enquadra os maus políticos.

Veja Tamb�m