terça, 24 de abril de 2018
24º Min 33º Max
Pedro Afonso - TO

Cidades

RECLAMAÇÃO

Mato alto coloca em risco a segurança e a saúde de moradores no Loteamento Canavieiras

06/04/2018 10h17 - Atualizado em 09/04/2018 09h46

Caíque Tétis

O mato alto que toma conta de diversos terrenos e canteiros do Loteamento Canavieiras, localizado próximo à ponte do rio Tocantins, na entrada de Pedro Afonso, preocupa e revolta moradores que residem no setor.

Conforme denúncias encaminhadas ao Portal CNN, a situação, que já se prolonga por meses, devido um impasse sobre a responsabilidade do serviço de manutenção das áreas não habitadas do setor, tem causado problemas como a aparição de animais peçonhentos e também em relação a segurança dos moradores. “Já apareceram diversos bichos e, recentemente, mulheres que fazem caminhadas pelo bairro relataram que um homem estaria correndo atrás delas e depois se escondendo dentro do matagal”, contou Iraci Rodrigues, que já reside no setor há três anos.

Iraci revelou ainda que desde que mudou para sua casa no loteamento, foram poucas vezes que o bairro passou por manutenção. “Podemos contar nos dedos, pois a empresa joga para a prefeitura e a prefeitura joga para a administradora do loteamento, daí ficamos no meio do mato”, completou.

Revoltada com as condições do loteamento, a moradora Ivanilde Bezerra citou os altos valores cobrados e a falta de contato com a administradora do Canavieiras. “Pagamos um loteamento muito caro e nem limpeza dos terrenos nós temos. São limpos os matos do lado da nossa casa, pelos próprios moradores, pois temos medo de bichos, mas o resto à empresa não faz nada”, reclamou Ivanilde.

Sem a limpeza dos terrenos, os moradores sofrem com a infestação de mosquitos e outros animais peçonhentos. “É um descaso, não conseguimos sequer contato com o pessoal que administra o loteamento. Daí ficamos apenas a esperar o mato crescer mais”, disse revoltada a Ivanilde.

Responsabilidade

Procurado pela reportagem do Portal CNN, o representante da empresa Canavieiras, que administra o loteamento, André Sinomassi, afirmou que a situação do loteamento deve ser analisada levando em considerações os diversos responsáveis. “Temos três responsáveis pela limpeza e manutenção do setor. A Prefeitura de Pedro Afonso, nas áreas verdes e públicas; os proprietários dos lotes, mesmo que este estiverem vazios, e a administradora, ou seja, nós do Canavieiras, somos os responsáveis por limpar aqueles lotes que ainda estão sendo comercializados”, relatou André.

Ainda de acordo com André, a empresa Canavieiras deve iniciar um novo ciclo de roçagem do loteamento na próxima semana. “Nós temos realizados dois ciclos de roçagem por ano, mas proprietários de terrenos também tem sua responsabilidade de manter limpa a sua propriedade”, declarou.

 

Veja Também