segunda, 10 de dezembro de 2018
22º Min 30º Max
Pedro Afonso - TO

Política

MOTIVOS DIVERSOS

Três pré-candidatos a deputado estadual de Pedro Afonso desistem de disputa

07/08/2018 10h15 - Atualizado em 03/09/2018 09h44
Três pré-candidatos a deputado estadual de Pedro Afonso desistem de disputa Coronel Benício mantém pré-candidatura a deputado estadual

Henrique Lopes

Após as convenções partidárias, no último final de semana, três dos quatros possíveis representantes do município de Pedro Afonso e da região centro-norte do Tocantins nas eleições gerais deste ano, anunciaram que não concorrerão ao cargo de deputado estadual.

Em entrevista concedida ao Portal CNN, Jalles Mariano (PSD), Carlos Magno Sales dos Reis, mais conhecido como Dr. Carlão (Rede Sustentabilidade) e Eduardo Chagas (PPS) comentaram sobre a desistência. Coronel Benício (PR) é o único que continuará na corrida por uma cadeira na Assembleia Legislativa.

Alegando a inviabilidade de uma candidatura, devido ao fato das lideranças locais apoiarem vários candidatos de fora do município, o ex-vereador e atual secretário de Relações Institucionais da Prefeitura de Pedro Afonso, Jalles Mariano, afirmou que reconsiderou a candidatura. “Vários candidatos com apoio de lideranças pedroafonsinas inviabilizam a candidatura de um representante local, além também que existe um descrédito do meio político que se atenua com a instabilidade política o estado”, disse.

Outra desistência anunciada foi a de Dr. Carlão, que deveria compor a chapa do juiz de direito Márlon Reis (Rede), nascido em Pedro Afonso. O médico contou que a não efetivação da candidatura ocorreu por não ter se desincompatibilizado do cargo público que ocupa dentro do prazo legal. “Infelizmente, não disputarei as eleições de outubro como candidato a deputado estadual, por não ter me desvinculado do emprego no Estado em tempo hábil. O Márlon Reis esteve aqui e me procurou se havia desvinculado do emprego, mas como não o fiz, isto traria problemas eleitorais futuros”, explicou.

Já o empresário Eduardo Chagas, segundo colocado na eleição para prefeito em 2016 em Pedro Afonso, disse apenas que não irá mais concorrer. Questionado sobre os fatores que lhe levaram a abandonar a pré-candidatura a deputado estadual, o tucano preferiu não expor as motivações.

Campanha a todo vapor

Único a manter a candidatura, o ex-comandante geral da Polícia Militar do Estado do Tocantins, o coronel Luiz Cláudio Gonçalves Benício (PR) declarou ao Portal CNN que levará as demandas da região aos palanques. “Principalmente infraestrutura, haja vista a deficiência de escoamento da produção da região. Além, também, da melhoria da segurança pública”, frisou Coronel Benício.

Sobre a desistência dos outros três políticos, Benício afirmou que é necessário a população de Pedro Afonso se unir para eleger um representante na Assembleia Legislativa. “Eu gostaria muito que a comunidade de Pedro Afonso se conscientizasse da importância de ter um representante do município e da região, para que possamos ser fortalecidos, diante de qualquer governo que vier a assumir o Palácio Araguaia”, completou.


 

Veja Também