quarta, 12 de dezembro de 2018
23º Min 27º Max
Pedro Afonso - TO

Segurança e Justiça

AÇÃO POLICIAL

PM mata suspeito e prende 7 pessoas envolvidas no assalto aos Correios de Itacajá

11/11/2018 13h49 - Atualizado em 20/11/2018 17h45
PM mata suspeito e prende 7 pessoas envolvidas no assalto aos Correios de Itacajá Bandidos roubaram a agência dos Correios de Itacajá

Um homem identificado apenas como “China” e que participou do assalto à agência dos Correios de Itacajá no dia 10 de novembro, foi morto após entrar em confronto com policiais militares.

Durante diligências, na manhã deste sábado, 11, no povoado Cartucho, no município de Goiatins, “China”, que morava em Araguaína e ainda estava escondido no matagal, foi localizado pela PM. Abordado, o criminoso reagiu com disparos de arma de fogo, no que os militares revidaram contra o criminoso. Foi prestado atendimento preliminar e o infrator conduzido para hospital em Itacajá, mas não resistiu aos ferimentos, vindo a óbito. Com “China” foi apreendido um revólver calibre 38.

A Polícia Militar já capturou quatro homens que participaram do assalto à agência dos Correios de Itacajá, além de mais um homem e duas mulheres que juntamente com um dos participantes do roubo, se preparavam para dar apoio a dois assaltantes no povoado Cartucho. Ao todo, sete envolvidos foram detidos pela PM por participação no crime.

O assalto aconteceu na noite da quinta-feira, 8, ocasião em que o gerente da agência dos Correios, juntamente com sua família, foi pego de refém por cinco homens que os forçaram a repassar dinheiro da instituição. O valor não divulgado.

Na fuga, já na manhã da sexta-feira 9, os infratores da lei saíram em direção a Araguaína-TO em dois veículos, um Renault Sandero, cor vermelha, onde estava a família do gerente e três dos assaltantes e uma caminhonete L200 logo atrás com o gerente e mais dois assaltantes, ocasião em que, pouco antes do povoado Cartucho, a caminhonete capotou, oportunidade em que o gerente conseguiu escapar fugindo pelo mato. O Sandero continuou a fuga, vindo a libertar a família do gerente numa estrada vicinal localizada na Jacubinha, em Araguaína.

A Polícia Militar foi acionada, realizou diligências e cercou toda a região através do Grupamento de Inteligência, do Grupamento de Rádio Patrulha, do COE – Comando de Operações Especiais de Araguaína e do GOC – Grupo de Operações com Cães de Palmas, mantendo cerco e levantamentos visando produção de conhecimento com intuito de subsidiar a localização e prisão dos envolvidos.

Os policiais militares conseguiram localizar e capturar o primeiro infrator da lei, homem de 21 anos, na manhã desse sábado, 10, na região do povoado Cartucho, município de Goiatins. Em continuidade às diligências, a PM conseguiu interceptar na Rua Boa Esperança, Setor Morada do Sol, em Araguaína, um veículo Fiat Pálio, cor preta, com dois homens e duas mulheres que supostamente estavam se preparando para dar suporte e resgatar os assaltantes que estavam na caminhonete que tombou. 

A Polícia Militar constatou que um dos homens ocupantes deste veículo Pálio tinha participado do assalto e assim capturou também este segundo assaltante. Questionados acerca do assalto, um dos demais ocupantes informou que o terceiro assaltante se encontrava escondido em uma residência localizada na Rua São Pedro, Setor Vila Nova, onde os Militares conseguiram capturá-lo (homem de 24 anos que se encontrava de posse de um notebook de propriedade do gerente e que confessou sua participação no assalto).

Prosseguindo nas buscas, a Polícia Militar conseguiu localizar o quarto assaltante, homem de 19 anos, que também confessou ter participado do assalto. Ele estava escondido em sua residência localizada no Setor Patrocínio, em Araguaína-TO. Os sete envolvidos no crime e todo material apreendido foram conduzidos à Delegacia de Polícia Federal, onde cada qual responderá à justiça conforme sua participação no assalto.

A Polícia Militar destacou que a atuação neste tipo de ocorrência é de se preservar vidas e aplicar a lei. “Infelizmente, nos casos em que há resistência por parte do cidadão infrator, seguindo os limites preconizados nacional e internacionalmente sobre utilização da força e arma de fogo, não restou outra alternativa senão preservar a integridade física da equipe. Informa também que já estão sendo adotadas as providências preliminares, conforme orienta a legislação específica”, disse a corporação em relação à morte do homem identificado como “China”. (Com informações da Ascom PM-TO)

Leia também: 

Quatro envolvidos no roubo aos Correios de Itacajá já foram 

Leia por Assunto: Correios GoiatinsItacajá Polícia Militar roubo
Veja Também