Educao e Cultura

ENGENHARIA AGRONMICA

Vestibular do IFTO tem 15 candidatos por vaga

13/02/2019 15h02 - Atualizado em 15/02/2019 15h25

Henrique Lopes

As inscrições para o vestibular do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO) encerram na última semana e o número de candidatos para o Campus Avançado de Pedro Afonso surpreendeu sendo destaque entre as cidades com novos cursos com o maior número de inscritos.

O município, que irá sediar pela primeira vez um curso de graduação em uma instituição federal, totalmente gratuito, recebeu o interesse de 800 candidatos que se inscreveram para a primeira turma da formação em bacharel em engenharia agronômica, destas 622 pessoas efetuaram o pagamento da taxa de inscrição e irão concorrer às 40 vagas disponibilizadas para a primeira turma, uma concorrência de 16 por vagas.

O número de inscritos por vaga é quase duas vezes maior do que as cidades de Colinas do Tocantins e Lagoa da Confusão, que contam com 9 e 7 candidatos por vaga, respectivamente.

A servidora do IFTO e integrantes da comissão organizadora do certame em Pedro Afonso Carmen Manhães disse que a formação era um anseio antigo da comunidade da região e por isso atraiu tantos candidatos. “Principalmente, por ser em uma instituição pública e o com um curso gratuito, o que faz com que muitas pessoas busquem o sonho da graduação, ainda mais quando o acesso é facilitado com o curso sendo ofertado perto de casa”, contou.

Já a diretora do Campus Avançado do IFTO de Pedro Afonso, Mirian Mirian Peixoto Soares da Silva, destacou que o número de candidatos é um reflexo do excelente trabalho que a equipe do IFTO vem desenvolvendo na região desde a implantação do campus. “Os primeiros trabalhos para implantação do curso começaram em 2016 com o estudo de demanda, justamente quando queríamos saber o curso que a comunidade queria que ofertássemos. Rodamos todas as cidades da região e o resultado foi pelo curso de engenharia agronômica”, frisou Miriam.

Ainda segundo ela, após o diagnóstico toda a equipe do instituído se dedicou para que o curso fosse implantado. “Os méritos para que esse sonho se tornasse realidade é uma conquista da equipe do IFTO, que correu atrás com muito esforço e competência para essa oferta de curso em 2019”, declarou.

A gestora da instituição afirmou que os alunos aprovados durante o vestibula que acontecerá no próximo domingo, 17 de fevereiro, irão ser recebidos com uma estrutura totalmente adequada para a execução das atividades acadêmicas. “Nós estamos aguardando essa primeira turma com professores altamente qualificados e dispostos a levar o máximo de conhecimento a estes estudantes. Nossa biblioteca e laboratório estão sendo estruturados para que os acadêmicos possam desenvolver ações tanto no âmbito do ensino, da pesquisa e da extensão”, completou Mirian.

Provas
As provas serão aplicadas no próximo domingo, dia 17 de fevereiro de 2019, das 14h às 18h (clique aqui e veja o seu local de prova).

O processo de seleção será realizado por meio de prova objetiva, composta por 48 questões de múltipla escolha e redação. Serão aplicadas questões de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias (10 questões mais 4 de Língua estrangeira), Matemática e suas Tecnologias (10 questões), Ciências da Natureza e suas Tecnologias (12 questões), e Ciências Humanas e suas Tecnologias (12 questões).

O candidato deverá verificar o local de prova e comparecer com antecedência de pelo menos uma do horário marcado munido de documento de identidade e caneta esferográfica de tinta preta.

A prova de redação em Língua Portuguesa terá caráter classificatório, deverá ser feita à mão, com letra legível e com caneta esferográfica de tinta preta. Somente serão corrigidas as redações dos candidatos que não forem eliminados na prova objetiva.

Fique atento!
Serão desclassificados do processo os candidatos que deixarem de realizar a prova objetiva; obtiver nota zero na prova objetiva; não tiver sua redação corrigida conforme critérios do edital; descumprir as instruções contidas no caderno de provas e no cartão-resposta; for surpreendido, durante a realização das provas, portando ou usando aparelhos celulares, ou em comunicação com outras pessoas, bem como utilizando livros, equipamentos de cálculo, escuta eletrônica, anotações ou impressos, ou ainda praticando atos que contrariem as normas do presente edital.

Sendo eliminado também os inscritos que se ausentarem da sala de prova sem autorização e acompanhamento de responsável pela aplicação das provas; não assinar ou deixar de entregar o cartão-resposta e a folha de redação ao retirar-se da sala de prova ou faltar com o devido respeito para com qualquer membro da equipe de aplicação das provas, com as autoridades presentes ou com os demais candidatos.