domingo, 26 de maio de 2019
23º Min 34º Max
Pedro Afonso - TO

Segurança e Justiça

COM VIDRO DE GARRAFA

Em Pedro Afonso, homem mata amigo, liga para a PM e confessa o crime

15/02/2019 12h43 - Atualizado em 15/02/2019 14h32

Henrique Lopes

Um crime bárbaro no centro de Pedro Afonso chocou as pessoas que passaram pela Praça Coronel Lysias Rodrigues, no início da madrugada desta sexta-feira, 15 de fevereiro.

Conforme informações do 3º BPM, o desempregado Railson Ferreira de Abreu, conhecido como “Perninha”, de 25 anos, matou Valderi Nunes Barbosa, 36 anos, que seria seu amigo.

Os militares foram informados do crime pelo próprio autor, que ligou para o número 190, após degolar a vítima, por volta de uma hora da manhã.

Na Praça Coronel Lysias Rodrigues, os policiais militares se depararam com Railson que confessou o crime e relatou que populares, que estavam em uma festa próxima ao local, estavam tentando linchá-lo. Já o corpo de Valderi foi encontrado sem sinais de vida e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Palmas.

Ainda segundo Polícia Militar, Railson teria iniciado a briga com a vítima aplicando-lhe um golpe conhecido como mata leão, e em seguida quebrou uma garrafa de “pinga” e isou o vidro para cortar o pescoço de Valderi, que sofreu corte na veia jugular.

Após ser detido, Railson foi conduzido à Central de Flagrantes da Polícia Civil de Pedro Afonso, onde informou que o crime foi motivado pelo furto de um celular. O delegado Bernardo José Rocha Pinto disse que o autor alegou que a vítima tinha furtado seu celular no dia anterior e vendido por uma mixaria.

Railson foi levado para a Cadeia Pública de Guaraí, vai responder pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe e se condenado pode pegar uma pena que varia de 12 a 30 de reclusão. 

 

Veja Tamb�m