Poltica

FORNECIMENTO DE GUA

Moradores de Tupirama aprovam suspenso de contrato com a ATS

22/05/2019 16h11 - Atualizado em 29/05/2019 15h23

Henrique Lopes

Em audiência pública realizada na noite de 21 de maio, em Tupirama, os moradores presente aprovaram, por unanimidade, a suspensão da concessão do sistema de abastecimento do município de posse da Agência Tocantinense de Saneamento e a contratação urgente de nova concessionário, prevista no Decreto 18/2019.

A reunião que discutiu os problemas no sistema de saneamento do município e a falta de investimento da Agência Tocantinense de Saneamento (ATS) foi realizada no plenário da Câmara Municipal de Tupirama e contou com a participação de cerca de 100 pessoas, entre eles, moradores, representantes políticos, vereadores e o prefeito da cidade, Dr. Natan (PP).

Ao iniciar a audiência, o chefe do Executivodestacou que a situação do sistema de saneamento do município é crítica, principalmente pela falta de investimentos, da qualidade da água ofertada aos moradores e dos valores cobrados. “Seguindo o exemplo de outros municípios que também sofreram com as falhas da ATS, instauramos processo administrativo para apurar as consequências que o município está sofrendo em função da incompetência da empresa. Hoje não temos uma água de qualidade, muito menos um serviço digno para o nosso município”, frisou Dr. Natan ao afirmar que a tarifa aplicada no município não condiz com a realidade dos serviços prestados e que estudos comprovaram que o lucro da empresa corresponde a mais de 50% do recolhido no município.

Ainda segundo o gestor, a falta de investimentos na infraestrutura de saneamento, uma das obrigações da empresa prevista na concessão, prejudica o desenvolvimento da cidade. “Para que a cidade cresça eu preciso de ampliação de rede de água, mas desde que tomamos posse estamos tentando aumentar o sistema, mas não tivemos um metro de rede implantada”, completou o gestor.

Durante as manifestações populares, moradores reclamaram da qualidade da água. “Temos que ter qualidade de vida e isso precisa começar pela água”, afirmou uma moradora. “Hoje eles cobram a taxa mais alta do mercado, mas não investem na melhoria da cidade e nem da água. O gestor está buscando um jeito de solucionar o problema e se pudermos ter um preço menor é melhor ainda”, destacou outro morador.

Responsável pela manutenção da Estação de Tratamento de Água em Tupirama, o funcionário da ATS Israel Marcelino Pereira revelou que a população não pode esperar melhorias da empresa. “Eu estou sempre conversando com as lideranças, não tem previsão de melhora para ninguém, não tem investimento e tudo está sucateado na ATS. Estamos com mais de ano sem receber um hidrômetro novo, a empresa tem feito muitos planos, mas de arrecadação, pois investimento não tem.”, revelou o funcionário.

O ex-vereador Roberto disse que o tratamento da água é falho e parabenizou a gestão pela atitude, pois segundo ele o problema é antigo, na qual os moradores pagam água cara e não tem um serviço de qualidade.

Após as explanações da comunidade, os vereadores se manifestaram a favor da medida proposta pelo Executivo. O presidente da Câmara de Vereadores de Tupirama, Júlio Castro (PSB), parabenizou o prefeito Dr. Natan pela atitude e disse que o projeto para será analisado pelos parlamentares e colocada em votação nas próximas semanas. “É uma matéria de suma importância para o município e uma ação plausível do Executivo na busca pela solução dos problemas de abastecimento do nosso município”, declarou.