Cidades

EMOO EM FAMLIA

Irmos separados h mais de 60 anos devem se reencontrar em setembro

08/08/2019 17h28 - Atualizado em 16/08/2019 11h42
Irmos separados h mais de 60 anos devem se reencontrar em setembro
Maria Eunice sonhava em reencontrar irmos

Henrique Lopes

Uma das principais missões do jornalismo é contar histórias que podem mudar vidas. Isso ocorreu com Enedina Rodrigues. A aposentada de 72 anos localizou familiares após a veiculação de uma reportagem no Portal CNN contando seu drama em saber o paradeiro dos irmãos que não vê há 60 anos, desde quando deixou o sertão de Pedro Afonso rumo a Brasília (DF).

Após a história ser contada pela filha da aposentada, Valéria de Sousa Lima, amigos dos irmãos de Enedina entraram em contato para relatar o paradeiro dos familiares, que residem nos estados do Tocantins e Pará.

Conforme Valéria, um dia após a publicação da matéria, amigos antigos da família telefonaram informando que os irmãos também buscavam pelo paradeiro da aposentada. “Ainda tem quatro irmãos vivos, os outros já faleceram, mas têm vários sobrinhos e sobrinhas, uns que moram em Pedro Afonso e outras cidades vizinhas. Apenas um dos irmãos mora no Pará”, relatou em entrevista ao Portal CNN, nesta quinta-feira, 8 de agosto.

Ainda estão vivos Leônidas, que mora no estado do Pará, além de João, Francisco e Almerinda, que residem na região de Pedro Afonso.

Valéria contou que o sentimento da mãe, ao localizar os irmãos, foi inexplicável. “São 60 anos separados. De início ela nem acreditou, aos poucos a ficha ainda está caindo. Foi choro, foi palpitação. Ela teve medo de dormir, acordar, é ter sido apenas um sonho”, revelou emocionada.

Sobre o primeiro contato, a filha da aposentada disse que foi um misto de surpresa e emoção. “Queríamos saber quem ainda estava vivo, onde cada um se encontrava, como estavam e como era a feição de cada um. Logo fiz uma chamada de vídeo para cada um e a emoção tomou conta”, disse ao descrever que atualmente toda a família está em festa.

“Meu telefone está uma loucura, toda hora uma tia, um tio, primos me chamam no WhatsApp ou no Facebook para se apresenta”, disse, informando que o reencontro dos irmãos deve acontecer em breve, ainda no mês de setembro. “Só estamos tentando conseguir férias para poder visitar”, concluiu.

De Pedro Afonso, a neta de Almerinda, irmã da aposentada, também relatou a emoção do contato das duas irmãs. “Minha avó Almerinda começou a passar muito mal com a notícia, a emoção foi tão grande que ninguém se conteve e todos começaram a chorar. A Valéria fez uma chamada de vídeo e colocou Enedina e Almerinda para se verem. Naquele momento foram muitas lágrimas derramaram”, disse Thaynara de Sousa Gonçalves.

Muito além de notícias, conexões
Em menos de duas semanas, esta é a segunda vez que pessoas da mesma família voltaram a ter contato com ajuda do Portal CNN. No primeiro caso registrado no dia 30 de julho, a aposentada Maria Eunice Batista da Silva, que reside atualmente em Boa Vista (RR), localizou os irmãos com quem não tinha contato há mais de 50 anos. “Estamos muito agradecidos ao Portal CNN, por ter sido tão rápido de localizar com o apoio da imprensa de Pedro Afonso”, contou a filha de Maria Eunice, Mara Lucena, na época.

Leia também:

Mulher busca, em Pedro Afonso, irmãos que não vê há quase seis décadas

Irmãos separados há mais de 50 anos voltam a ter contato após publicação de matéria no CNN


 

Leia por Assunto: Pedro Afonso famlia reencontro