Poltica

Voz das ruas

Indignao da sociedade com a falta de infraestrutura chega ao legislativo pedroafonsino

13/03/2014 18h05 - Atualizado em 14/03/2014 15h12

Um dos assuntos mais comentados pelos vereadores na Câmara Municipal de Pedro Afonso em sessão ordinária da manhã da quarta-feira, 12, foi a falta de manutenção nas estradas no perímetro rural e urbano da região.

A conclusão de dois bueiros na estrada vicinal que liga a Vila Mata Verde, Gorgulho e Capelinha foi solicitada via requerimento pela vereadora Sirleide do Movimento (PMDB). A parlamentar elogiou a construção de estradas pelo Poder Executivo no perímetro rural, mas destacou que “ter acesso à estrada de qualidade é um direito constitucional dos cidadãos, bem como obrigação do Poder Executivo manter as estradas em condições mínimas de tráfego”.

Sirleide pediu indicação de uma retroescavadeira para atender munícipes de Pedro Afonso que tem propriedades em Santa Maria do Tocantins. Os produtores rurais relataram a parlamentar que pediram apoio do Poder Executivo para disponibilizar um dia de serviço de uma retroescavadeira para auxiliar na manutenção urgente de 30 metros de uma estrada de chão e obtiveram como resposta que o maquinário só poderia ser deslocado para serviços em outro município com a aprovação da Câmara, conforme consta na Lei Orgânica do município.

O presidente da Câmara, vereador Coelho (DEM), disse que conhece a estrada e recebe constantemente reclamações sobre o estado do local. “Na Lei Orgânica do município consta esse procedimento, mas no caso de agricultores é questão de urgência. Se não tiver auxílio do executivo não vai ser possível transportar a safra”, relata o vereador, que sugeriu a Sirleide entregar o requerimento aprovado em mãos para o secretário da Infraestrutura de Pedro Afonso, Paulo Catabriga. 

Iluminação pública
O vereador Mirleyson Soares Dias (PT) solicitou ao prefeito a manutenção da iluminação pública na cidade. “Tem postes sem lâmpadas ou com lâmpadas queimadas há três meses”, relata Dias.

Coelho também fez menção a taxa de iluminação pública paga pelos cidadãos e que nem todos desfrutam do serviço.

Problemas na Junta Militar
A vereadora Lili Benício (PSD) e outros parlamentares criticaram a atual estrutura da Junta Militar do município. Segundo ela e colegas, o local não oferece infraestrutura necessária para atender quem trabalha do departamento e a comunidade que utiliza o serviço. “Fiz o requerimento pedindo adequações na estrutura em março do ano passado e não obtive manifestação do Poder Executivo e hoje estou requerendo novamente. A situação é degradante e a forma de trabalho da servidora é desumana”, avalia Lili.

A vereadora Irene do Sindicato (PDT) disse que também esteve com a servidora do local e confirmou as condições de trabalho relatadas pela colega.

Lili também conseguiu aprovação no requerimento para averiguar o andamento da implantação e previsão de conclusão do processo do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores municipais.

A revisão do Regimento Interno da Câmara também foi discutida entre os vereadores. O assunto vai ser abordado pelo CNN em outra reportagem.

Apoio para festividades religiosas

O vereador Sipriano Soares (PMDB), soube que vai ser construída uma praça em frente à Igreja Santo Afonso. Mesmo antes do anúncio oficial, o parlamentar solicitou que no projeto da praça seja incluído um local para realização de eventos religiosos, como o festejo da paróquia.

Presença da comunidade
Coelho (DEM) frisou que os vereadores trabalham para defender a comunidade e sentem falta da presença da comunidade nas reuniões da Câmara. “Não adianta fazermos requerimentos e a prefeitura engavetar. A maioria das proposituras é uma demanda dos próprios munícipes”, pontua. 

As sessões da Câmara de Pedro Afonso acontecem toda quarta-feira, a partir das 9 horas.

Todos os requerimentos apresentados na sessão de hoje foram aprovados por unanimidade.