Cidades

RECLAMAO

Situao da passarela entre Pedro Afonso e Bom Jesus gera protestos

26/10/2015 08h08 - Atualizado em 27/10/2015 08h20

Fred Alves

Nos últimos dias um dos assuntos que mais repercutem nas redes sociais, sobretudo no Facebook, é a situação da passarela Modesto e Rosária Sales, localizada sobre o rio Sono, entre Pedro Afonso e Bom Jesus do Tocantins.

O equipamento público, um dos principais cartais postais da região Centro-Norte do Tocantins, sofre com a ação de vândalos que danificam a tela de proteção e quebram as lâmpadas que iluminam o local no período noturno, trazendo sensação de insegurança para quem transita pelo local.

A situação da passarela foi mostrada pelo morador de Pedro Afonso Sebastião Correia da Silva, conhecido como DJ Tião, que postou uma foto no Facebook e comentou: “Fui passear um pouco com a família, em nossa linda passarela e estive observando que a mesma continua linda, mais só de longe. Pois VANDALOS #$%&@* estão destruindo um dos mais lindos cartões postais de nossa cidade... A melhor forma de protesto deveria começar dentro de sua casa e não quebrando tudo”.

A postagem foi acompanhada de vários comentários, a maioria criticando a ação dos vândalos e cobrando manutenção.

Vigilância e manutenção
O prefeito Jairo Mariano (PDT) assegurou que a Prefeitura de Pedro Afonso mantém dois guardas que se revezam todas as noites no trabalho de vigilância. Além disso, afirmou que apesar da manutenção da passarela ser de responsabilidade do Governo do Estado, foi realizada uma manutenção completa em julho deste ano, inclusive na escadaria de acesso a praia, onde foram investidos, com recursos dos cofres municipais, cerca de R$ 8 mil.

“Infelizmente, mesmo com vigilância, pessoas mal intencionadas danificam o patrimônio público. Já pedimos várias vezes ao Governo do Estado, mas não fazem manutenção. Juntamos com a Prefeitura de Bom Jesus e fizemos”, disse. O prefeito afirmou que ainda nessa segunda-feira, 19 de outubro, seria feita uma vistoria no local para identificar os principais problemas e providenciar a manutenção necessária.

A prefeita de Bom Jesus do Tocantins, Rosângela Barbosa Bezerra (PPS), também afirmou que disponibiliza dois vigias à noite e também realiza manutenção no local. “Somente nos meses de junho e julho gastamos R$ 2.300,00 na compra de materiais e prestação de serviços de manutenção na passarela”, garantiu. A gestora ainda determinou a realização de uma vistoria e caso seja necessário serão realizados serviços de manutenção na passarela.

Já a Secretaria Estadual da Infraestrutura afirmou que pretende enviar uma equipe até o local para averiguar a situação da Passarela Modesto e Rosária Sales e tomar providências cabíveis.