Poltica

MIRACEMA

Famlia pede e Cmara de Vereadores rejeita PL que dava nome de Moiss Costa a quadra de futebol

20/08/2019 17h56 - Atualizado em 26/08/2019 11h06
Famlia pede e Cmara de Vereadores rejeita PL que dava nome de Moiss Costa a quadra de futebol
Moiss Costa foi assassinado no dia 30 de agosto de 2018

Nesta segunda-feira, 19, foi rejeitado pela Câmara de Vereadores de Miracema do Tocantins, um projeto de lei do prefeito Saulo Milhomem, o qual dava o nome do ex-prefeito Moisés Costa, falecido há 11 meses, a uma quadra de futebol que existe há 30 anos e já tem nome. O motivo da não aprovação da matéria deu-se em consideração a família de Moisés que pediu aos vereadores tal posicionamento.

Conforme o irmão de Moisés, José Luís Costa, ao assumir a Prefeitura, Milhomem demitiu familiares e amigos de Moisés, juntou-se com adversários, nunca visitou a família, nem participou das manifestações organizadas por ela em busca da elucidação do caso, que chega a um ano sem solução.

A família acredita que a ação do atual prefeito foi uma tentativa de melhorar sua imagem diante da postura distante que teve, agora que a repercussão do caso vem crescendo ao completar um ano.

A família Costa contratou investigadores para que seja revelado o crime que ceifou a vida de Moisés. No próximo dia 30 agosto, quando completa um ano do seu falecimento, a família promoverá uma programação em sua memória, com a criação do Instituto Moisés Vive que atuará, entre outros, na realização de ações de cunho social junto a população miracemense.