Por dentro do Agronegcio

AVALIAO

Ricardo Khouri faz balano e projeta aes da Coapa para 2020

06/01/2020 12h06 - Atualizado em 03/02/2020 11h28

Otimista, o presidente da Cooperativa Agroindustrial do Tocantins (Coapa) e do Sistema OCB/Sescoop-TO, Ricardo Khouri fez um balanço das ações realizadas em 2019 e projetou o trabalho para o ano recém-iniciado.

Em uma palavra, defina o ano de 2019 para a Copa.
Na verdade, seriam duas palavras: crescimento e maturidade.

Quais foram as principais dificuldades enfrentadas em 2019?
Por incrível que pareça, um dos principais problemas foi a dificuldade que o Governo do Tocantins tem em imprimir mudanças na legislação fiscal e tributária do estado, assustando a classe produtora rural. Como todos sabem, commodities, contratos de vendas futuras, contrato de fixação de preço e fixação de taxa de câmbio são firmados previamente, e a mudança da tributação no meio do jogo causou um transtorno muito grande. Isso foi bastante sentido e até hoje a gente vê um Executivo Estadual que promove alterações sem o suficiente diálogo com a classe produtora, o que de certa forma causa insegurança ao produtor e até para investidores. Esse é um problema que gostaria muito de ver superado em 2020.

Em um ano com dificuldades econômicas, como foi possível investir R$ 6 milhões na Unidade de Armazenagem I e ainda arrendar o armazém da Bunge? Como isso reflete nos serviços prestados aos cooperados?
Foi um ano de muita superação. Estamos trilhando um caminho de muito crescimento com maturidade e pés no chão. Conquistamos credibilidade junto aos agentes financeiros e fornecedores, para que pudéssemos captar esse recurso junto ao Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), operado pelo Banco da Amazônia, que possibilitou a ampliação e modernização do nosso armazém e o arrendamento da unidade II. Assim, temos condições de ofertar um melhor serviço e também diversificar a safra de verão. É uma conquista de todos os cooperados e só foi possível porque temos um quadro social engajado e participativo.

Como avalia a participação do cooperado no dia a dia da Coapa?
A participação do cooperado na vida societária da cooperativa tem aumentado significativamente. Isso e fruto de duas estratégias: a modernização da Coapa e a abertura para a inclusão de novos cooperados aliada as atividades de organização do quadro social. Temos um caminho a percorrer, mas a participação dos associados melhorou bastante. 

A Coapa investe muito em eventos técnicos e disseminação de novas tecnologias. Qual o efeito prático disto?
É por meio da promoção de eventos técnicos, agronômicos e de gestão que melhoramos o desempenho e os resultados de nossos cooperados. Esse é um caminho sem volta. A Coapa quer ser reconhecida como uma cooperativa que investe no ser humano e na melhoria profissional. Neste aspecto, destaco a parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo no Estado do Tocantins [Sescoop/TO], fundamental para que isso seja conquistado.

De que forma a cooperativa incentiva os colaboradores?
A Coapa é o espelho de um quadro de colaboradores altamente engajado, comprometido e capacitado. Temos orgulho de incentivar nossos profissionais, porque percebemos neles um potencial muito grande. Neste aspecto, constantemente eles participam de eventos de formação em nossa sede e em outras cidades brasileiras. A pessoa trabalha na cooperativa porque demonstrou algum talento e isso precisa ser valorizado. Focamos nisto. A Coapa se orgulha muita de seus colaboradores.

Como avalia o trabalho social da Coapa em 2019?
Uma das iniciativas mais importantes foi o Dia de Cooperar, um grande projeto de voluntariado. A meta para 2020 é intensificar o engajamento nas questões socioeconômicas dos municípios onde atuamos. Temos uma participação bastante ativa e estamos satisfeitos.

Qual a expectativa para a safra de grãos 2019/2020?
Sempre é otimista. Com o clima melhor, a expectativa é que tenhamos um ano agrícola produtivo e com remuneração satisfatória. A safrinha de milho também promete bons resultados. Nossa Unidade Técnica e Comercial está atuando junto aos cooperados visando minimizar riscos agronômicos e de desempenho econômico com bons pacotes de comercialização.

O que esperar de 2020?
Muitas conquistas, fruto da luta e da entrega. Vamos continuar trabalhando para melhorar a vida das pessoas e promover benefícios aos cooperados e colaboradores. Continuaremos com uma gestão focada e buscando incessantemente a eficácia.

Qual recado deixa para cooperados, colaboradores, parceiros comerciais e moradores dos municípios da área de atuação da Coapa?
Todos nós da Coapa desejamos um ano de 2020 de muita sorte e sucesso e que tenham a convicção de que manteremos a identidade de quem respeita e considera bastante os princípios cooperativistas. Que neste ano tenhamos muita paz e saúde, pois assim temos forças para lutar. Um abraço fraternal a todos!

(Com informações da Ascom/Coapa)