Economia

ENTREVISTA EXCLUSIVA

Consultor de empresas fala sobre oportunidades em meio crise

30/03/2020 11h17 - Atualizado em 08/04/2020 09h17

A reabertura do comércio em diversas cidades, após cerca de uma semana de isolamento social, que impediu a atividade da maioria das empresas, que tiveram que improvisar na hora de atrair clientes e garantir as vendas, tem sido um momento de animação para os empresários, mas também abre um alerta sobre as medidas de prevenção ao novo Coronavírus.

Sobre as formas de aproveitar o período de movimentação parcial, o Portal CNN conversou com o consultor de empresas Alberto Belluzzo, que deu dicas sobre como driblar a crise de uma forma positiva.

Portal CNN – Qual a importância das empresas cumprirem as regras de isolamento e abertura parcial?

Alberto Belluzzo
– O empresário deve estar consciente da importância e da necessidade do isolamento, que tem a ideia de estender a curva de casos para que o nosso sistema de saúde não entre em colapso. É um sacrifício, mas isso não significa que não estamos atuando. Algumas atividades estão liberadas para que continuem atuando normalmente, tomando, claro, algumas prevenções. Como o uso de equipamentos, higiene e limite de pessoas.

Qual seria a alternativa para os empresários neste momento de crise?
Olhar o negócio com uma nova visão, uma visão de oportunidade. Quais os mecanismos de comunicação, de acesso e de vendas a empresa tem? Nós temos redes sociais? Temos plataformas que fazem esse tipo de venda e que o comerciante pode se associar, como o Mercado Livre? Vender seu produto em plataforma e redes sociais é o caminho mais adequado. Mas não é só isso, o empresário deve se atentar às leis, que lhe dão direito a negociar férias, pagar impostos posteriormente. É preciso estar atento a tudo que saiu e ver quais são os benefícios que ele tem.

Seria uma oportunidade também de repensar as empresas?
Sim, é uma situação oportuna para repensar. Onde o empresário pode melhorar, como ele pode controlar melhor a sua empresa. Uma empresa enxuta, que tem um custo operacional baixo, sairá melhor nesses desafios. É um momento para olhar as suas contas, observar o seu controle, se eles estão de encontro com a sua realidade. Neste momento, em especial, a empresa que esta equilibrada, que sabe dos seus limites, consegue passar pela crise com menos feridas.

Qual a importância de ter uma reserva para esse período de crise?
É importante para que o empresário tenha um controle. A partir de agora, começar a criar uma reserva, um colchão de segurança. Uma empresa precisa ter no mínimo três vezes de reserva, além do seu capital de giro. Seria um capital que me assegure sobreviver pelo menos três meses, independente do que me aconteça.

Que outra situação o cenário de caos também favorece o empresário?
Uma outra situação é o planejamento estratégico. Este é o momento de olhar as funções dentro da sua empresa, as responsabilidades, o que está acontecendo dentro da sua empresa. É preciso aproveitar esse tempo para pensar a sua empresa. O empresário, na maioria das vezes, só faz, mas não para pensar. O planejamento é uma ferramenta extraordinária para diminuir custos e aprender a lidar com ameaças e oportunidades. Às vezes o que o empresário ganha não é vendendo, mas deixando de gastar.

O que eles devem estar atentos neste período?
O empresário deve se atentar para não cair em Fake News. Tem muita informação falsa correndo por aí e ele deve estar atento a elas para não cometer erros que são extremamente prejudiciais à sua empresa. Um outro viés que os empresários podem atuar neste momento é em ações solidárias. Se ele puder trabalhar, ajudando os idosos, tentando resolver problemas sociais que estão ao seu alcance, faça! Além de fazer o bem, ele vai ajudar a sociedade a crescer, pois quanto mais rápido a gente se recuperar, melhor será para as nossas empresas.

 

Leia por Assunto: Alberto Belluzzo coronavrus dicas economia negciospandemia