Cidades

DIAS DE SOFRIMENTO

H mais de 15 dias sem informaes, famlia vive drama na busca por Xirica

18/05/2020 20h11 - Atualizado em 20/05/2020 19h02

Henrique Lopes

Dias de “desesperança”. Essa é a rotina da família do pedroafonsino Luiz Fernandes Louzeiro da Silva, de 41 anos, conhecido como Xiririca, após completar 15 dias do seu desaparecimento.

Com buscas constantes, desde o sumiço ocorrido na noite de 3 de maio, quando foi visto pela última vez por uma amiga, no setor conhecido como Barroca, enquanto caminhava desnorteado em direção às margens do Rio Sono, a família sofre cada vez mais com a falta de informação sobre um possível paradeiro.

José Luiz, um de seus irmãos, contou à reportagem do Portal CNN que já foram feitas buscas em diversos locais de Pedro Afonso e até em cidades vizinhas. “Procuramos na região de Tocantínia e Rio Sono, também fizemos varredura às margens do Rio Sono, em Bom Jesus, mas sem sucesso”, lamentou.

Na segunda-feira, 18 de maio, quando completaram 15 dias do misterioso sumiço do irmão, José Luiz relatou que o sentimento da família e desolador e indescritível. “É um sentimento que não sabemos explicar, ninguém viu, ninguém fala nada. Nós da família imaginamos que afogado ele não está, pois alguém já teria encontrado. Os bombeiros vieram, procuraram, mas não encontraram. Chegamos a buscar vestígios de urubus, mas também não há nada. É um mistério”, disse desolado.

Sem saber de pistas do paradeiro de Xiririca, o irmão descreve o dia a dia da família como uma montanha russa de sentimentos ruins. “Só nós da família sabemos, tem hora que temos a esperança de encontrar ele vivo, mas tem momentos que isso vai a zero, pois não há nenhuma informação sobre ele”, completou ao dizer a família “tem entregado o caso nas mãos de Deus”.

Informações
Quem souber do paradeiro de Luiz Fernandes Louzeiro da Silva pode entrar em contato com os familiares pelos telefones (63) 984858519 – Grenice; 984181372 – Luiz, 984559995 ou 991064464 – José Luís (Véi Saco). Informações também podem ser disponibilizadas de forma anônima pelo telefone 190 da Polícia Militar.

 

Leia por Assunto: Pedro Afonso Xirica buscas desaparecimento