Cidades

RECLAMAO

Quedas de energia frequentes geram transtornos a moradores de Pedro Afonso

20/10/2020 16h33 - Atualizado em 23/10/2020 11h41

Da Redação

Moradores de algumas ruas do Centro e do Setor Santo Afonso, em Pedro Afonso, enfrentam problemas com a rede de distribuição de energia elétrica. Eles reclamam de transtornos e prejuízos financeiros.

Conforme relatos enviados ao Portal CNN, o gerador que fornece energia para a Ruas 26 de Julho, Guimarães Natal e Pedro Alves da Rocha, e para a Avenida Espírito Santo, há anos apresenta problemas que se agravaram desde o último mês de agosto, ocasionando oscilações frequentes da energia, além da suspensão do fornecimento por algumas horas.

A situação, considerada “crítica”, levou moradores a elaborarem um abaixo- assinado, com mais de 80 assinaturas, que foi protocolado na Energisa Tocantins, concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica no estado, como relatou ao Portal CNN, a consumidora e advogada Letycia Leão, moradora da Rua 26 de Julho, no Centro. “O referido documento foi protocolado via e-mail e no posto da Energisa, em Pedro Afonso, mas até a presente data não deram resposta sobre o que estaria causando as oscilações e quedas bruscas da energia”, revelou.

As falhas na distribuição da energia causaram prejuízos financeiros, com a queima de equipamentos eletrônicos e eletrodomésticos. “Os moradores temem novos prejuízos e pedem explicações”, completou Letycia.

Outra consumidora, que preferiu não se identificar, precisou realizar alterações na sua casa para evitar a queima de aparelhos. “A luz cai tanto que nem mesmo o ventilador funciona. Tive que fazer mudanças em casa, tirar geladeira, freezers e frigobar, pois não estava dando conta. Ou usava as geladeiras ou o ar-condicionado”, afirmou a moradora do Santo Afonso.

Troca de transformador
Em nota, a Energisa informou que realizou, neste mês de outubro, a troca do transformador que atende a região por um de maior potência, principalmente por conta do aumento de consumo de energia nesse período de altas temperaturas.

A distribuidora ainda reforçou aos clientes sobre a necessidade de informar sempre que houver aumento de carga nas unidades consumidoras, como compra de novos equipamentos e eletrodomésticos, sobretudo os que mais consomem energia, como ar-condicionado e freezer, pois, assim, será possível realizar ações preventivas para assegurar o fornecimento de energia de qualidade.