Por dentro do Agronegcio

EVENTO OFICIAL

Governador lana plantio da safra 2020/2021 e anuncia desburocratizao no licenciamento ambiental

17/10/2020 08h05 - Atualizado em 28/10/2020 17h11

O governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse, afirmou que vai enviar, nos próximos dias, projeto de lei à Assembleia legislativa criando Lei Geral de Licenciamento Ambiental do Tocantins. O anúncio foi feito, aos produtores e aos representantes do agronegócio do Estado, durante a abertura oficial do plantio da safra 2020/2021, realizada dia 16 de outubro, na sede da Agricultura Tia Maria, município de Gurupi, no sul do Estado.

Com o tema Tocantins - Terra de Oportunidades, o evento contou com a participação de produtores, representantes de empresas ligadas ao agronegócio, instituições financeiras, técnicos e estudantes pesquisadores.

Para o Governador, "a aprovação desta propositura vai simplificar várias atividades voltadas ao agronegócio. Vai diminuir a burocracia e ao mesmo tempo manter a preservação do meio ambiente", ressaltou ele, explicando que, com essa lei, os proprietários rurais vão poder realizar os seus próprios licenciamentos.

Mais uma vez, Mauro Carlesse destacou a importância do agronegócio no contexto econômico do Tocantins e a satisfação em estar com os representantes do segmento no momento da abertura oficial do plantio de mais uma safra, com a expectativa de crescimento da produção. "Tivemos um aumento de 15% na safra passada e a nossa expectativa é de aumento na safra que se inicia agora, principalmente com relação às culturas do milho e da soja, que são o carro-chefe da nossa produção", informou.

O governador Mauro Carlesse ressaltou ainda que o Governo do Tocantins é um parceiro do produtor e vem investindo na melhoria da infraestrutura rodoviária para ajudar quem produz. "Estamos investindo na melhoria das nossas rodovias, nas estradas vicinais e em outras ações para facilitar o escoamento e reduzir o custo de produção para os nossos produtores", pontuou.

O secretário de Estado da Agricultura, Pecuária e Aquicultura (Seagro), Thiago Dourado, pontuou que o lançamento do plantio sempre representa um momento de confraternização dos representantes do setor, e também para discutir estratégias para o plantio. Segundo ele, a expectativa é de um novo recorde da produção tocantinense com crescimento na ordem de 10% com relação à safra anterior. "O volume de crédito disponibilizado foi aumentado em todos os bancos e as instituições financeiras. Então, está tudo capitalizado e o mercado internacional está aumentando a demanda, portanto, o cenário é bastante positivo para que a gente possa bater mais recordes nesta próxima safra", previu o Secretário.

Thiago Dourado lembrou ainda que a lei geral de licenciamento ambiental é mais uma iniciativa que vai desburocratizar e dar mais dinâmica ao setor produtivo do agronegócio. "O Governador tem sido muito sensível a essa agenda e sabe conciliar a plataforma da agenda ambiental com a agenda produtiva e, agora, está trazendo a responsabilidade do licenciamento ambiental para o produtor. O produtor será responsabilizado pelo processo. O processo será menos burocrático e mais responsabilizado, porque é ele quem tem que saber o que é certo ou errado e se comprometer com as regras ambientais", frisou.

Produção

De acordo com dados da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), o crescimento na área de plantio pode ser observado com o fechamento da safra 2019/2020, que mostra uma produção recorde no Estado, atingindo 5,86 milhões de toneladas, valor 15,4% superior aos 5,08 milhões de toneladas da safra 2018/2019.

O evento contou com a presença do superintendente do Banco da Amazônia, Marivaldo Melo; do presidente da Federação da Agricultura do Tocantins, Paulo Carneiro; do deputado estadual Olyntho Neto; presidentes de sindicatos rurais do Estado; e outros representantes do agronegócio tocantinense. 

Leia por Assunto: Safra 2020/2021 Soja Tocantinsabertura milho plantio